6 passos para deixares de te sentir perdida

6 passos para deixares de te sentir perdida

Certamente todas nos lembramos da nossa adolescência, de como em alguns momentos só nos apetecia não sair da cama e não ter de enfrentar o dia, as pessoas, as situações. Quantas e quantas vezes achámos que determinado assunto nunca se iria resolver, que não sabíamos qual o caminho a seguir, que não sabíamos quem éramos. O que muitas não esperávamos era que isso não fosse só uma “fase de adolescente”, e que nos acompanhasse ao longo de toda a vida em alguns momentos.

Não, não és um ET, o que estás a sentir é normal, tenhas que idade tiveres, porque a vida é assim, mesmo quando nos encontramos podemos sempre voltar a perder-nos por breves momentos com a montanha russa que vivemos diariamente. Por isso decidi fazer este artigo, para que te sintas normal e também para partilhar o que é que comigo resulta quando me sinto dessa forma.

 

Conhecer pessoas novas

É no nosso círculo de amigos que nos sentimos mais confortáveis e seguras, mas a verdade é que conhecer pessoas novas abre-nos horizontes e permite ao nosso cérebro vivenciar e pensar novas coisas. Seja alguém que trabalha na mesma área que tu, alguém que frequenta o mesmo ginásio ou arriscares ligar àquela amiga de faculdade que não vês há muito tempo e ires sair com o grupo de amigos dela onde não conheces ninguém.

 

Dar um passo atrás

Por vezes queremos tanto resolver determinada situação ou ter ideias criativas para determinada que acabamos por ficar completamente bloqueadas. A verdade é que insistir raramente trará resultados, o melhor será colocar o assunto de lado por algum tempo e permitir ao cérebro pensar noutras coisas. Esse descanso temporário ajudará a que quando voltarmos a pegar no assunto seja mais fácil encontrar novas prespetivas e soluções.

 

Desligar das redes sociais

Quer queiramos quer não, os feeds das redes sociais levam-nos a inevitáveis comparações e por vezes se já nos sentimos mal ficamos piores ainda a achar que toda a gente está feliz menos nós. Um fim de semana inteiro de detox pode fazer milagres. E nunca te esqueças, as redes sociais são apenas lugares de partilha de alguns momentos específicos da vidas das pessoas, existe todo um leque de outros acontecimentos entre uma foto e outra que não são expostos, toda a gente tem problemas e falhas como tu e eu.

 

Ler um novo livro

Desde biografias e livros de ficção, os livros são um excelente recurso para nos fazer usar a imaginação e nos inspirar de uma forma fora do comum. Verás que depois dessa “viagem” terás novas ideias para os próximos passos na tua vida.

 

Transpirar

Para as mais preguiçosas pode não parecer uma solução, mas está mais que provado que o exercício físico tem um impacto muito positivo na redução do stress e na estimulação cerebral, assim como em trazer-nos sentimentos de felicidade graças às hormonas libertadas.

 

Esquecer os prazos

Somos demasiado exigentes connosco próprias e queremos tudo resolvido para ontem, isso causa uma pressão e um stress completamente contraproducentes. Esquece os prazos, principalmente quando não existe um compromisso com mais ninguém a não ser contigo própria. Não, não tens de te sentir melhor até ao dia X ou Y, tens é de te conseguir sentir melhor demore mais ou menos tempo do que aquele que seria por ti desejado, e não irás consegui-lo se tiveres a pressão do prazo a desajudar.

 

 

Follow:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *