What I Eat // O meu plano de alimentação

What I Eat // O meu plano de alimentação

Isto de estar grávida é muito giro, tirando aquilo que não é. E aquilo que não é ainda é um número bem volumoso de coisas, acreditem!

Uma das minhas grandes preocupações após engravidar foi a alimentação e o peso. Não queria engordar mais que a conta e estava com receio que fosse assolada por fome e desejos incontroláveis. Não chegámos a um estado tão grave mas tenho tido alguma dificuldade em manter uma alimentação saudável – ao contrário do início em que como o meu estômago praticamente só aceitava comida fria e passava imenso tempo em casa conseguia manter-me entre as saldas e a fruta.

Tendo começado a trabalhar para uma empresa que não é minha, com todo o stress e falta de tempo a isso associados, e ainda por cima com a nossa estadia temporária numa casa com uma cozinha minúscula, toda a minha organização alimentar tem sofrido bastante, o que me fez procurar um nutricionista.

 

Sensação de fraqueza e tonturas

A minha tensão sempre foi baixa, e com a gravidez há tendência para baixar ainda mais. A juntar a este calor, tenho sofrido bastante e já fiz algumas visitas chatas ao hospital. Uma das coisas que procurava era perceber como é que podia equilibrar a minha alimentação para me ajudar a combater esta sensação terrível, que me dificulta principalmente as tarde de trabalho. Fui aconselhada então a beber um café sem açúcar sempre que me sentir assim e também a ter cuidado com os alimentos ingeridos para evitar picos de glicose.

 

Fome depois de almoço

Outra coisa que me estava a deixar louca era a fome que me atacava depois do almoço. Mesmo comendo um prato normal de comida, já com os cuidados relativos aos picos de glicose, ainda assim entre as 14h e as 16h estava SEMPRE com fome. O problema é que ao ceder a esta sensação de fome acabava mal disposta, cheia de azia, enfartada e sem conseguir sequer jantar. A nutricionista aconselhou-me distribuir melhor a quantidade de alimentos consumidos e a comer uma sopa – sem batata – antes do prato principal do almoço para ajudar a controlar esta fome, e resultou.

 

Azia, principalmente à noite

Ao ceder ao longo do dia às fomes momentâneas, acabava por consumir alimentos pouco saudáveis e isso fomentava a azia. Tenho agora muito mais cuidado, evito de todo molhos, demasiados condimentos, gorduras e fritos, e opto por uma alimentação baseada em alimentos alcalinos de forma a que o pH do meu organismo esteja o mais equilibrado possível, já que o stress já é por si só um grande responsável por destabilizar o pH e torná-lo mais ácido.

Não comer muita quantidade de comida e fazer bem a digestão antes de me sentar no sofá ou deitar na cama são também truques que tenho utilizado. Nem que tenha de ir dar uma volta ao quarteirão.

 

Comer muitas vezes, pouca quantidade

Desde a primeira consulta de gravidez que fui aconselhada a comer de 2 em 2 horas, evitando refeições grandes mesmo que fossem ao almoço ou ao jantar. Obviamente que o almoço foi difícil de contornar, até porque estando a trabalhar não posso estar a todos os minutos preocupada com o que vou comer a seguir. Assim sendo, estou a fazer 6 a 7 refeições por dia divididas da seguinte forma: pequeno-almoço, lanche da manhã, almoço, 1º lanche da tarde, 2º lanche da tarde, jantar e ceia (sendo que por vezes não faço a ceia). Como mais ou menos às seguintes horas: 7h30, 10h30, 13h00, 15h00, 17h30, 20h30, 23h.

o que como durante a gravidez plano de refeições 2

 

O meu plano nutricional

Em quase todos os pontos selecionei alimentos no lugar de uma categoria não porque não possa comer outras coisas mas porque estas são as coisas que eu gosto e portanto decidi partilhar exatamente o que eu como 🙂 Os frutos secos antes de deitar são bons para manter o equilíbrio durante as horas em que estamos a dormir, mas como a maioria deles me fazem azia, optei apenas pelas amêndoas.

 

E vocês, que truques têm usado para uma alimentação saudável e equilibrada?

 

Follow:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *