Pea on board #3 // A ansiedade de saber o sexo

Pea on board #3 // A ansiedade de saber o sexo

Isto de estar grávida é uma altura maravilhosa da vida. É ter motivação para cuidar mais do corpo – a semana passada voltei a inscrever-me no Fitness Hut – e da alimentação, é ver o corpo mudar e sentir orgulho, é ser tratada como uma princesa em casa e cederem mais facilmente às minhas vontade de ir ao restaurante X ou Y.

Mas, claro, não podia ser tudo bom, tinha de ter o reverso da moeda. Para além dos vários desconfortos físicos ao longo do dia, é esta ansiedade que não me larga. Ansiedade por tudo e por mais alguma coisa, e a mais latente nos últimos tempos é a incerteza sobre o sexo do bebé. Não, não faz grande diferença se é um rapaz ou uma rapariga, mas caramba, uma pessoa quer saber!

Por um lado, não saber o sexo fez com que até agora ainda não tenha comprado ABSOLUTAMENTE nada – o que ajuda a poupar um bocadinho -, por outro faz com que todos os dias me sinta mais e mais ansiosa com o assunto – e até triste, confesso -, especialmente quando praticamente todas as futuras mamãs à minha volta já sabem o sexo dos seus rebentos.

Acho que fiquei ainda pior depois daquela situação da Ecografia 4D, em que disseram que dava para ver claramente mas se recusaram a contar. Poucas semanas depois fui ao obstetra mas o bebé já tinha mudado de posição e já não dava para ver nada.

Eu sei que daqui a pouco chega a morfológica, já falta pouco mais de uma semana, mas agora fico sempre com o receio de o bebé estar em posições estranhas e não dar para ver. Que raiva, que stress, que nervos, que ansiedade!

 

Sou só eu que me sinto assim? Por favor mamãs e futuras mamãs contem-me tudo!

 

 

Editado a 19/04/2017

FINALMENTE JÁ SABEMOS! É um rapaz, é um Martim que vem a caminho 😀 Confesso que desde o início sempre achei que seria um rapaz, mas como não sou de acreditar nesses feelings – e a vontade de ter uma menina era grande, porque há muito mais coisas giras para meninas – nunca partilhei essa minha suspeita. Mas agora, finalmente, está revelado e não podia estar mais feliz. Mais do que ser menino ou menina, a minha ansiedade era verdadeiramente saber, tirar a dúvida, poder imaginar com maior clareza, poder pensar nas coisas ao detalhe. Obrigada a todas por estarem desse lado ♥

Follow:

2 Comments

  1. 12 April 2017 / 7:51 am

    Vais fazer o teste bioquímico?
    Calma… Respira fundo e que venha com saúde 😀

    • 13 April 2017 / 8:31 am

      Fiz só o rastreio e estava tudo ok, com probabilidades até bastante baixas, por isso acabei por não fazer mais nada. No início tinha pensado fazer o Harmony mas depois decidimos que havia melhor forma de gastar o dinheiro, a não ser que o rastreio viesse com valores que nos preocupassem. Por isso só vou mesmo saber o sexo quando a criança se deixar ver em ecografia :p